sexta-feira, 30 de maio de 2008

Antecedentes criminais Canadá

Como moramos em Montréal durante 8 meses, precisamos retirar um atestado de antecedentes criminais do Canadá (que deverá ser apresentado na parte federal do processo de residência permanente). Assim, no dia 19 de maio, liguei no Consulado para solicitar o envio dos formulários das impressões digitais e das cartas destinadas à Polícia Federal brasileira. A pessoa que me atendeu disse que os mandaria pelo correio por meio de carta registrada e que em cinco dias úteis os papéis chegariam para nós.

Pontualmente, o envelope do Consulado chegou aqui em casa no dia 27 (não tivemos que pagar pelo envio), contendo uma carta que explica os passos para a retirada dos antecedentes,
dois formulários para as impressões digitais (um para cada um de nós) e duas cartas destinadas à Polícia Federal (em que o Consulado solicita à PF que nossas impressões sejam colhidas no formulário da RCMP (Royal Canadian Mounted Police), o qual deve ser assinado, carimbado e datado pelo papiloscopista).


Ontem fomos até a PF aqui de Uberlândia para colher as impressões digitais. Chegando lá, explicamos a situação ao recepcionista, que nos encaminhou ao papiloscopista. Como imaginamos, a PF aqui de Uberlândia jamais havia colhido impressões para a retirada de antecedentes criminais canadenses. Assim, o papiloscopista nos disse que precisaria de um despacho do delegado para que pudesse colher nossas impressões. Ficamos na sala do papiloscopista enquanto aguardávamos a autorização. Dali a pouco, ele retornou com as cartas assinadas pelo delegado... (ufa!). Eu tinha preenchido os formulários a lápis primeiro (com receio de fazer alguma bobeira), então, enquanto o papiloscopista colhia as impressões do Wal no formulário dele, eu preenchia a caneta o meu formulário para que depois não fizéssemos confusão. Minhas impressões foram colhidas em seguida e o papiloscopista assinou, carimbou e datou os formulários. Fomos super bem atendidos e até emendamos conversa com o papiloscopista, que começou a perguntar sobre o Canadá, dizendo que o irmão dele queria ir pra lá.

Tudo certo, terminei de preencher os formulários e, então, nós fomos a uma loja dos Correios para postá-los... surpresa! Os Correios não oferecem o serviço de envelopes internacionais pré-pagos... A questão é que seria bom enviar, junto com os formulários, um envelope pré-pago registrado para que a RCMP nos envie os atestados de antecedentes criminais, porque, se não, eles serão enviados por carta comum, e já soubemos de dois casos em que os atestados foram extraviados por terem sido enviados em carta comum. Por isso, adiamos o envio dos formulários para encontrarmos um lugar aqui em Uberlândia que vendesse envelopes pré-pagos da FedEX, da DHL ou da UPS. Enviamos um e-mail para uma empresa que parece representar a FedEX aqui, mas nos disseram que ela somente realiza serviço de coleta porta-a-porta.

Assim, decidimos enviar os formulários sem o envelope pré-pago, já que, de qualquer forma, os atestados de antecedentes criminais serão enviados ao Consulado (soubemos que, quando o Consulado recebe atestados, eles são confrontados com os processos pendentes). Postamos ontem os formulários (por Sedex Mundi registrado), os quais deverão chegar à RCMP em Ottawa em cinco dias úteis.
Como prometido, segue o passo-a-passo para a retirada dos antecedentes criminais canadenses:

Em primeiro lugar, é necessário dizer que os candidatos à imigração devem apresentar atestados de antecedentes criminais emitidos pelas autoridades competentes de todos os Estados e países onde o candidato residiu por mais de seis meses desde os 18 anos de idade. Atestados são também obrigatórios para o cônjuge e filhos maiores de 17 anos, estejam eles acompanhando ou não.

Dica: solicitar os antecedentes criminais canadenses antes do início da etapa federal do processo, já que, em média, eles são emitidos de 2 a 5 meses após solicitados.

1 -
Entrar em contato com o Consulado Geral do Canadá (+55 11 5509 4343), no setor de vistos e imigração, e solicitar o envio do formulário oficial C-216C (quem mora em São Paulo tem a opção de ir até o Consulado e pedi-lo pessoalmente).

2 - Junto com o formulário, será enviada uma carta em que são explicados, passo a passo, todos os procedimentos para a retirada dos antecedentes. Leia atentamente as informações para evitar enganos ou problemas.

3 -
É enviada, também, uma carta destinada à Polícia Federal, em que o Consulado lhe solicita que providencie as impressões digitais do candidato à imigração. Esta carta deve ser entregue ao agente que for colher as impressões digitais.

4 -
No formulário, observar atentamente todos os campos e preencher os que dizem respeito ao candidato à imigração:
- Signature de la personne dactyloscopiée;
- Nom de famille (y compris noms utilisés précédemment, nom de jeune fille, etc);
- Prénom(s);
- DDN - Date de naissance;
- Sexe;
- Numéro de téléphone;
- Adresse;
- Code postal.

Obs.: Deve-se apresentar o motivo para a retirada dos antecedentes criminais (neste caso, o motivo é a imigração). Existe, no formulário, um campo em que a opção deve ser marcada com um X (o Consulado já havia marcado a opção quando nos enviou os formulários). Além disso, existe um campo em que o candidato à imigração deve informar o número de referência do seu processo federal, se ele já o tiver. Como nós ainda não iniciamos a etapa federal, nós não informamos nenhum número (o Consulado nos informou que o número do processo do Québec não serve para essa referência).

5 - Depois que as impressões digitais tiverem sido colhidas e o formulário tiver sido preenchido com os dados do candidato, o papiloscopista ou a pessoa responsável pelo procedimento deve assinar, carimbar e datar o formulário nos locais apropriados a essas informações.

6 - Por último, deve-se enviar o formulário para o endereço indicado no canto superior esquerdo do documento:

Commissioner, RCMP
Attn.: Identification Services

Directorate, Civil Section

PO Box 8885

Ottawa, Ontario

K1G 3M8
ou
Le Commissaire de la RCMP
À l'att. de la Direction du Service de l'identité judiciaire, Section des affaires civiles
CP 8885

Ottawa (Ontario)

K1G 3M8

Bises,
B.


11 comentários:

canadabrasileiro disse...

Olá,

Estava olhando seu blog e achei super interessante, e inclusive, gostaria de fazer uma troca de links contigo.
Tenho um site/blog sobre o Canadá, sob o endereço http://canadabrasileiro.wordpress.com

Mantendo o site, meu objetivo é passar às pessoas percepções sobre o este país o qual atrai milhares de brasileiros e continua ano após ano, a bater recordes de estudantes enviados às suas cidades. Enfim, mostrar como é o cotidiano no país.

Ficarei aguardando respostas.

Thanks... e sucesso para ti ;)

canadabrasileiro disse...

Oi Barbara,

É com o seu blog "J'partirais pour Québec!" (jepartiraispourquebec.blogspot)

Mas se tiver outros sites legais, e quiser fazer alguma parceria, alguma troca de links, é só me falar =)

Abraços,

Gisa e Diogo disse...

Adorei seu blog =) Bem informativo. Posso adicioná-lo a minha lista de blogs no meu? Fico no aguardo e boa sorte!!

Gisa e Diogo disse...

Obrigada =) Já adicionei e pode nos adicionar também. =*

Anônimo disse...

Olá pessoal,

Primeiramente, gostaria de dizer que as informações de vcs me ajudaram muito na coleta das impressões digitais para o atestado do Canadá.

Sem querer abusar, mas podem me ajudar com uma informação:
No site da RCMP está escrito que devemos pagar uma fee de US$ 25 e precisa ser via money order. Acontece que meu banco pediu um nome de banco lá fora para mandar e diz que sem isso não dá para fazê-lo.

Alguma dica ?

Abs,
Freire

saulomg disse...

Bom,

Cara Bárbara,

Gostaria de saber se você já recebeu a resposta da sua demanda dos antecedentes criminais, tendo em vista que enviaste no final de maio.

A propósito você pensa em morar inicialmente onde no Quebec?

Saulo
saulomg@yahoo.com.br

Fernanda disse...

Oi Barbara,

estou acompanhando o seu blog e gostaria de saber como vc conseguiu falar diretamente com a Maria João?
ligo no telefoneno setor de visto mas cai na secretaria...vc pode me ajudar????

obrigada!!!

Babi e Wal disse...

Oi, Fernanda!
Vou responder aqui pq não tenho seu e-mail... você tem que discar o ramal dela, que é 3422. Daí você pode falar diretamente com ela!
Boa sorte!

NS disse...

Saluuut, ça vas?

bem interessante o post! Vou ligar amanhã lah no consulado e perguntar sobre o meu caso.. eu tava aqui contando, eu passei qse seis meses em Montréal (do 10/01 ao 9/07..) mas daih lembrei que fui pros EUA por uma semana.. só quero ter certeza se eu vou precisar tirar os antecedentes criminais de lá mesmo assim.. já salvei o post de vcs pra qquer duvida!

bisous et

Unknown disse...

oi, muito legal o seu blog.. eu fiz tudo direitinho.. liguei hoje pro FBI e adivinha?!?! depois de quase 4 meses de espera, com muita estranhesa o correio do brasil SUMIU com meu antecedente criminal do FBI. nossa chorei muito, vou ter que esperar mais um tempao, pois nao da pra dar entrada na documentacao da imigracao sem isso. ou seja, gracas aos CORREIOS vai atrasar uns 8 meses na minha vida!!
ACONSELHO A QUEM TIVER AMIGOS NO CANADA ENVIAR PRA LA E ESTE MANDAR VIA SEDEX O MAIS RAPIDO DE LA E COM UM SEGURO EXORBITANTE. Sendo asism nao perde.. tempo eh uma coisa que nao se compra!
fiquem com Deus

Unknown disse...

oi, muito legal o seu blog.. eu fiz tudo direitinho.. liguei hoje pro FBI e adivinha?!?! depois de quase 4 meses de espera, com muita estranhesa o correio do brasil SUMIU com meu antecedente criminal do FBI. nossa chorei muito, vou ter que esperar mais um tempao, pois nao da pra dar entrada na documentacao da imigracao sem isso. ou seja, gracas aos CORREIOS vai atrasar uns 8 meses na minha vida!!
ACONSELHO A QUEM TIVER AMIGOS NO CANADA ENVIAR PRA LA E ESTE MANDAR VIA SEDEX O MAIS RAPIDO DE LA E COM UM SEGURO EXORBITANTE. Sendo asism nao perde.. tempo eh uma coisa que nao se compra!
fiquem com Deus